31 janeiro 2013

Filho ou bastardo?

"Se suportais a correção, Deus vos trata como filhos; porque, que filho há a quem o pai não corrija? Mas, se estais sem disciplina, da qual todos são feitos participantes, sois então bastardos, e não filhos." Hebreus 12:7-8


Ontem o Evangelista Gelson pregou na igreja a respeito da correção de Deus para com os seus filhos. Isso me fez pensar: será que nós queremos ser filhos? Será que muitos dos filhos não estão buscando coisas de bastardos? 

Se você repreender uma criança que não é seu filho ele provavelmente não vai te obedecer do jeito que ele obedece o próprio pai, porque o pai tem uma autoridade diferente. Da mesma forma nós entramos na presença de Deus, pedimos bençãos, catamos, mas quando Ele nos repreende nós agimos como se Ele não fosse nosso pai. Agimos como se Ele não tivesse autoridade para nos disciplinar.

Mas como diz neste versículo de Hebreus, Deus só disciplina aquele a quem Ele ama, assim como os pais terrenos não repreendem seus filhos para vê-los chorar ou para castigá-los, mas para que aprendam algo. 

Quando Deus nos repreender devemos nos alegrar, porque este é o sinal de que não somos bastardos, mas filhos de Deus. Ele só repreende aquele a quem Ele ama! Não rejeite a repreensão do Senhor, pois ela é o que nos separa dos bastardos.

Quando alguma amiga minha dormia na minha casa e nós fazíamos bagunça, minha mãe brigava comigo, não com a minha amiga. Mas não importa que a minha amiga passasse alguns dias em casa, minha mãe não dividiria entre mim e minha amiga a herança que só os filhos recebem. Da mesma forma somos nós, queremos receber a herança de filho mas não queremos ser corrigidos como os filhos são. 

A palavra de Deus fala (Jo 14:16-18) que nós que somos filhos temos o Espírito Santo, e que o mundo não pode recebê-lo. o Espírito Santo é quem nos convence do nosso pecado, é aquele que nos corrige. Somente nós que somos filhos é que temos o Espírito Santo para nos corrigir, mas Ele também é chamado de "consolador", porque Ele não somente nos castiga ou pune, Ele nos mostra o caminho e cuida de nós. Quando jesus foi ao céu os apóstolos tiveram medo, mas Jesus disse que não os deixaria órfãos, mas deixaria o Consolador para cuidar deles, corrigi-los, como um pai.

Se Deus está cobrando mais de você, se o Espírito santo está te mostrando o seu pecado, não se entristeça, isso quer dizer que você é filho e que Ele te ama!


Deus te abençoe!

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Posts relacionados

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...