15 fevereiro 2013

Ministrando para a alma


”Bendize, ó minha alma, ao SENHOR, e não te esqueças de nenhum de seus benefícios. Ele é o que perdoa todas as tuas iniquidades, que sara todas as tuas enfermidades, que redime a tua vida da perdição; que te coroa de benignidade e de misericórdia.” 
Salmos 103:2-4 

Todos nós temos dias ruins. Não existe ninguém que não tenha passado por aquele dia em que não queria ter levantado da cama, ou aqueles dias em que tudo dá errado. Dias de medo, fúria, ódio, mágoa e dor. E muitas vezes, nesses dias difíceis, nossa alma não consegue ver a mão de Deus. Os nossos olhos, embaçados pelo desespero e pela correria do dia a dia são impedidos de enxergar o propósito do Senhor nestas dificuldades. Mas veja o que a Bíblia nos ensina a fazer nestes dias: Ministrar para a nossa própria alma. 

Veja quão interessante é este salmo. O autor não está ministrando para outra pessoa, mas ele adverte a sua própria alma a confiar em Deus, e é isto que devemos fazer. Quantas vezes nós olhamos para o nosso próximo e o vemos cabisbaixo e sem fé e sendo assim, decidimos ministrar a Palavra de Deus a ele, mostrando todos os seus feitos maravilhosos para nós? Mas quando passamos por dias ruins nos esquecemos de ministrar ao nosso coração, não encontramos forças para confiar em Deus e deixamos a nossa alma, que é fraca, abater o nosso espírito, ao invés de fazermos o contrário. 

Mas como pregar para a própria alma? Você deve estar se perguntando. Parece difícil, pois, quando ministramos fé para alguém, tiramos do nosso ânimo para dar a outra pessoa, mas como poderei animar a mim mesmo, sendo que não possuo forças para fazê-lo? É simples, veja os versos 3 e 4 deste salmo: “Ele é o que perdoa todas as tuas iniquidades, que sara todas as tuas enfermidades, que redime a tua vida da perdição; que te coroa de benignidade e de misericórdia.”. O salmista mostra a sua alma o que Deus já tem feito por ele e prova que o Senhor é fidedigno em suas promessas. É certo que Ele cuidará de nós. 

Quando nos lembramos do que Deus fez por nós, ao perdoar as nossas iniquidades, que são infinitas, e nos trazer para o seu Reino de Luz, nos tirando das trevas e dando o amargo castigo que merecíamos ao seu filho amado, provamos a nós mesmos o quão bondoso é o Senhor. Não precisamos de palavras de encorajamento vindas de outras pessoas mais animadas e felizes que nós, ou de profecias alegres e que vão de encontro com o desejo do nosso coração. Uma alma carente e dolorida só precisa saber do caráter fiel e infalível de Deus para ser curada. Deus abençoe a sua vida e te lembre sempre de como Ele é bom e da grandeza de sua Misericórdia para conosco.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Posts relacionados

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...